Nossa História

A Sociedade de Agronomia do Rio Grande do Sul – SARGS, entidade federativa máxima dos Engenheiros Agrônomos deste Estado, é uma organização civil de direito privado, fundada em 12 de julho de 1933, como Sindicato Agronômico do Rio Grande do Sul, sucedendo Associação de Agrônomos do Rio Grande do Sul, fundada em 13 de dezembro de 1924. Com a atual personalidade jurídica adquirida em 17 de agosto de 1943, sob nº 574. Os motivos que levaram à transformação decorrem segundo o encarregado do Ministério do Trabalho no Rio Grande do Sul, à época, da impossibilidade da continuação do Sindicato Agronômico em virtude da própria lei sindical que enquadrou os profissionais da agronomia como pertencentes ao Sindicato dos Engenheiros. Portanto, a data de 12 de julho marca no binômio SARGS/Sindicato uma verdadeira história de lutas e realizações em prol da congregação classista, defesa e valorização profissional dos engenheiros agrônomos. Assumindo natureza de federação na reforma estatutária de 07 de abril de 1979, tendo seu Estatuto e alterações devidamente registrados no cartório competente, em 03 de julho de 1979. Considerada de Utilidade Pública pelo Decreto Estadual n° 85, de 24 de setembro de 1948, sem fins lucrativos, de duração ilimitada, com sede e foro na cidade de Porto Alegre, neste Estado e filiada à Confederação dos Engenheiros Agrônomos do Brasil – CONFAEAB.

Esta longa existência, como não poderia deixar de ser, foi marcada pelas mais variadas circunstâncias, momentos de pleno sucesso e outros de graves dificuldades, sempre focada na valorização da Classe Agronômica do Rio Grande do Sul.

Nos últimos anos buscou-se estar presente nas discussões relevantes para os profissionais e para as nossas filiadas, cujo interesse maior é sem dúvida o fortalecimento da agricultura, da pecuária e do agronegócio como um todo, dentro e fora do Rio Grande do Sul. Mostrando a capacidade de mobilização, de articulação e de engajamento em relação aos assuntos profissionais.

Unidos, iremos mostrar à Sociedade Gaúcha a importância da Classe Agronômica.

SARGS ® 2012